Tamanho do texto

Caso você queira demonstrar todo o seu amor com um lindo ramo de flores, planeje com antecedência. A procura por elas torna-se intensa nesta data

Brasil Econômico

Falta poucos dias para o Dia dos Namorados. Entre as diversas opções aos casais aparece: jantar, casa noturna, viagem, flores ou apenas um present e, mas e você já decidiu como comemorar com o seu namorado ou namorada?

Leia também: Depois de apresentar nova identidade visual, Fanta anuncia sabor guaraná

Dia dos Namorados: Vale-presente pode ser uma boa escolha, veja como não errar
reprodução/ABC News
Dia dos Namorados: Vale-presente pode ser uma boa escolha, veja como não errar

Baseando-se nessas dúvidas, a Proteste, Associação de Consumidores listou algumas dicas que podem te ajudar a ter um dia inesquecível, livre de dores de cabeça, ou seja, sem que nada estrague o seu Dia dos Namorados .

De acordo com a associação, seguir alguns simples cuidados pode garantir o sucesso da comemoração, mas para isso também é necessário sair de casa já sabendo o que quer, essa simples definição pode facilitar as comparações de preços e qualidades, além de também evitar as temidas compras por impulso.

Flores

Caso você queira demonstrar todo o seu afeto e carinho com um lindo ramo de flores, planeje isso com antecedência. A procura por elas torna-se intensa nesta data, o que pode fazer com que os comerciantes elevem os preços. “Compare os preços entre floriculturas, tipos de flores e arranjos antes de definir a compra. Encomende tudo por escrito: tipo de flores ou arranjo, horário, local e mensagem”, recomenda a Proteste.

Além disso, é bom que o apaixonado ou apaixonada confirme a solicitação da entrega e exija a nota fiscal ou recibo. Se o e-commerce é a opção, pesquise um site com boa reputação, e não deixe de checar as taxas inclusivas e o prazo de entrega. 

Presentes

Se a escolha é um produto importado, não esqueça que eles também estão sujeitos ao Código Defesa do Consumidor. Informações claras a respeito da composição, garantia, prazo de validade, nome e endereço do importador devem estar no pacote.

É muito importante que o consumidor esteja seguro – por um documento escrito ou na etiqueta do produto - da possibilidade de troca em caso de defeito, que inclusive podem ser reclamados em até 30 dias – caso seja um produto não durável, e de 90 dias para duráveis.

Se o cartão de crédito for a escolha de pagamento, o preço não pode ser diferente do pagamento à vista.

Leia também: Do corporativo ao  e-commerce próprio: veja como surgiu a We Love Focinhos

Casa noturna ou jantar

Os casais que pretendem fazer algo um pouco mais agitado devem lembrar que a cobrança do couvert artístico apenas é justo caso haja informação prévia de música ao vivo, ou outra manifestação artística no local.

Cobrança referente à taxa de serviços (ou gorjeta) é totalmente opcional. Lembre-se também que a multa pela perda de comanda é abusiva. A Proteste também relembra que a obrigação de registrar e controlar todos os itens consumidos são  de responsabilidade do estabelecimento, e não deve ser transferido ao consumidor.

Vale-presente

A dúvida na hora de decidir o que comprar no Dia dos Namorados pode ser resolvida com um vale-presente. Mas, mesmo assim, deve-se tomar alguns cuidados: não deixe de escolher um valor que coincida com itens disponíveis na loja. “Tenha o cuidado também de verificar se a troca dos produtos está sujeito a um prazo de validade e se pode ser feita em liquidações”, conclui a Associação.

Leia também: Empreendedorismo: veja histórias de quem já faliu e hoje fatura milhões

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas