Tamanho do texto

Profissionais fluentes em inglês chegam a ganhar 61% a mais que os demais. Vejas as profissões que exigem a segunda língua e a remuneração delas

Brasil Econômico

Na atualidade, ter graduação e pós-graduação não é o suficiente para conseguir uma boa posição no mercado de trabalho e ter uma carreira de destaque. O domínio de uma segunda língua é primordial aos que querem se destacar e isso ajuda também na melhor remuneração. Pesquisa da Catho apontou que profissionais com fluência no inglês ganham até 61% a mais que os demais profissionais.

 Leia também: Já sabe qual carreira seguir? Confira as profissões que estarão em alta em breve

Carreira: Vejas os setores que são promissores, mas exigem fluência em inglês
shutterstock
Carreira: Vejas os setores que são promissores, mas exigem fluência em inglês


Mesmo com todas as dificuldades enfrentadas pelo País, ainda existem um número significativo de áreas em que seguir carreira ainda é promissor, mas o profissional deve ficar atento ao domínio da língua inglesa. Aos que ainda não se decidiram por qual área seguir, o diretor da rede de idiomas English Talk, César Lucchesi, elencou as 10 áreas promissoras em um futuro não tão distante.

1 - TI e Tecnologia 

A área está em diversas listas como uma das que mais contratarão nos próximos anos e o inglês é fundamental para crescer, além de grande parte do conteúdo produzido sobre o assunto estar nesse idioma. O salário mensal desta colocação varia de R$ 1,5 mil para quem está começando a R$40 mil aos profissionais mais experientes, de acordo com a Consultoria Robert Half.

2 - Administração

A globalização exige profissionais da área administrativa que saibam falar inglês, para facilitar negociações com empresas e fornecedores estrangeiros, por exemplo. Segundo o Conselho Nacional de Administração (CNA), a remuneração de um administrador varia de R$3 mil a R$6 mil.

3 - Marketing

Outro setor em crescimento recentemente, a área de marketing é uma das que mais apontam para a necessidade de dominar o idioma. Nesta área, o salário varia de R$ 1,2 mil a R$12 mil, de acordo com a pesquisa do site Catho.

4 - Turismo

O número de turistas estrangeiros que vem ao Brasil cresceu nos últimos anos, após a realização de grandes eventos que trouxeram maior visibilidade internacional ao País. Para atender a essa demanda, o mercado carece de profissionais da área de turismo que dominem a língua inglesa. Aos profissionais iniciantes a faixa de remuneração é a partir de R$ 2,5mil, mas ao longo dos anos é possível receber até R$ 17 mil, segundo a Catho.

Leia também: Inflação nos 12 meses registra menor variação desde 2007, com 4,08%, diz IBGE

5 - Comércio Exterior

O Brasil é um grande exportador de produtos agrícolas, e muitas empresas daqui também realizam transações de importação com fornecedores internacionais, para atuar na área de comércio exterior, inglês é exigência básica. Já nesta área, no início da jornada é possível receber de R$ 2 a 5 mil.

6 - Contabilidade

Segundo o levantamento da Wyser, empresa especializada em recrutamento e seleção, o setor tem registrado crescimento mesmo em tempos de crise e quem tiver essa habilidade deve se destacar e crescer na profissão. De acordo com a Consultoria Robert Half, a remuneração desta área varia de R$ 2,5 a R$ 20 mil.

7 - Mídias sociais

Atualmente, as empresas sabem da importância de possuir uma boa imagem em suas redes sociais e buscam profissionais para auxiliá-las nesse processo. Essa é uma das áreas em que falar inglês é obrigatório. O salário da profissão do século 21 varia entre R$1,5 mil a R$ 3 mil no início da vida profissional, segundo a pesquisa salarial Brandi.

8 - Engenharia

Por ser uma área que realiza muito contato com empresas internacionais, o mercado de engenharia tem buscado por profissionais com domínio completo de inglês. Recente pesquisa realizada pela Consultoria Internacional Payscale, o engenheiro pode receber em média de R$1,5 mil no estágio e até R$18 mil mensais, em cargo de diretoria.

9 - Desenvolvimento Web e de apps

Uma das habilidades necessárias para quem quer atuar no setor de desenvolvimento para web e de aplicativos é a fluência na língua inglesa. Nesta área, o salário varia de R$1,2 mil a R$14 mil, de acordo com a pesquisa da Consultoria Robert Half.

10 - Relações internacionais

O próprio nome dessa carreira indica que para conseguir colocação na área o profissional deve possuir domínio da língua inglesa. O profissional inicia a jornada com uma remuneração de R$1,2 mil e no auge da carreira pode alcançar até R$20 mil.

Leia também: Entenda por que adolescentes estão procurando o coaching para definir carreira