Tamanho do texto

Startups como Nubank já são conhecidas por boa parte dos consumidores, mas algumas delas realizam serviços financeiros utilizados com frequência

Brasil Econômico

As fintechs, como são chamadas as empresas com foco em tecnologia financeira, apresentam crescimento significativo no País. Segundo levantamento do Radar FintechLab, iniciativa que acompanha esse segmento, o número de startups que oferecem serviços financeiros no Brasil quase dobrou em nove meses. Ao final de janeiro, eram 244 fintechs, contra 130, em abril do ano passado. Desde 2014, o setor já movimentou mais de R$ 1 bilhão em investimentos.

LEIA MAIS: Saiba como cortar gastos modificando o layout do escritório

Algumas das fintechs já são conhecidas do grande público, como o Nubank, que oferece cartões de crédito livres de taxa de anuidade e outras tarifas, e o GuiaBolso, um aplicativo para aumentar o controle financeiro doméstico. No entanto, algumas das startups não são conhecidas por boa parte dos consumidores, mas realizam papel importante em diversos aspectos. Confira uma lista com cinco empresas com foco em tecnologia financeira que você já pode ter usado, mas não faz ideia de que existem.

Nubank, que oferece cartões de crédito sem taxa de anuidade, é uma das fintechs conhecidas pelo grande público
Divulgação
Nubank, que oferece cartões de crédito sem taxa de anuidade, é uma das fintechs conhecidas pelo grande público


Stone

Se você já comprou pipoca em alguma vending machine em estações de metrô ou aeroportos, você, provavelmente, utilizou serviços da Stone, uma startup de máquinas de cartão de crédito 100% brasileira. Por ser licenciada para efetuar pagamentos em todo o Brasil, vem se destacando na forma de otimizar o processo de vendas e reduzir as depesas de processamento para o estabelecimento. Além das vending machines, a startup também atua em pequenos estabelecimentos, como bares, restaurantes e docerias.

MundiPagg

Aqueles que já costumam realizar compras pela internet certamente já utilizaram serviços da MundiPagg. Especializada em soluções de meios de pagamentos on-line, a empresa processa pagamentos para boa parte das lojas virtuais brasileiras, incluindo gigantes como B2W (responsável por Americanas.com, Submarino e Shoptime) e Cnova (Pontofrio e Casas Bahia). Fundada em 2012, a startup conta com mais de sete mil lojas virtuais usando seus serviços.

LEIA MAIS: Saiba como fazer sua empresa crescer em tempos de crise

Equals

Também presente na área de e-commerce, a empresa passa por você, consumidro, mas tem importância maior para o departamento financeiro da loja virtual. Fundada em 2010, a Equals tem papel importante na gestão financeira de empresas, como companhias aéreas, por exemplo. O gerenciamento acontece em compras realizadas por cartão de crédito e débito. A startup permite ao departamento financeiro controlar a visibilidade sobre seus recebíveis, oferecendo informações confiáveis, mais produtividade, melhores práticas e controle nas atividades. Se você já comprou algo em lojas como Mercado Livre, Centauro, ou em sites de companhias como Emirates e Delta, certamente sua compra foi contabilizada pela Equals.

Adyen

Você, provavelmente, nunca ouviu falar dessa startup, mas a chance de já ter usado sua tecnologia é grande. A Adyen presta serviço para empresas como Uber, Netflix, Spotify e Airbnb. Portanto, se você já realizou algum pagamento usando uma dessas plataformas, então já usou seus serviços. Seu principal diferencial é fazer uma operações complexas como pagamentos se tornarem simples, com integração de mecanismos antifraude, adquirência, gateway e conciliação de pagamentos.

LEIA MAIS: Por que o Instagram Stories é uma ótima ferramenta para empresas - e como usá-la

BeeCâmbio

O objetivo da BeeCâmbio é facilitar a vida das pessoas na aquisição de moeda estrangeira. Criada em 2014, a startup é uma correspondente cambial, ou seja, atua como uma extensão de bancos e corretoras para levar praticidade aos compradores de moedas, conceito da maioria das fintechs. A vantagem do modelo é a possibilidade da empresa estar alocada em pontos de fácil acesso. A BeeCâmbio, por exemplo, funciona 100% online e realiza entregas para 40 cidades brasileiras, fazendo com que o cliente não precise ir a uma grande instituição financeira.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.