Brasil Econômico

Brasil Econômico

undefined
Marcos Corrêa/PR/Agencia Brasil - 22.12.2016
Acesso a contas inativas do FGTS anunciada em dezembro pelo governo federal, tem pagamento antecipado pelo banco Santander



 Após o governo federal anunciar em dezembro a autorização para o saque das contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), o Banco Santander passa a oferecer aos seus correntistas a possibilidade de antecipar o valor. A linha de crédito permitirá, por exemplo, que o cliente da instituição use o dinheiro para quitação de despesas como o IPVA e o IPTU. O calendário para saques do saldo disponível em contas inativas do FGTS será divulgado apenas em fevereiro, porém, os recursos oferecidos pelo Santander já estão disponíveis nas agências de todo o Brasil e nas plataformas do Banco.

+ Governo passa a autorizar saque do FGTS para pagamento de dívidas

 O valor abrangente ao saldo do FGTS tem previsão de liberação em até 24 horas na conta corrente, e o pagamento será feito em uma única. O banco oferece a possibilidade de liquidação antecipada do empréstimo, com abatimento de juros e variações de 2,59% a 4,59% na taxa do financiamento.

“O Santander quer ajudar o cliente a ter um orçamento saudável e, mais do que isso, a prosperar, caso queira investir os recursos em um novo projeto no momento em que a economia dá os primeiros sinais de retomada”, afirmou em nota o diretor executivo de Pessoa Física do Santander, José Roberto Machado.

Tutorial

A fim de orientar os clientes, o Santander fez um tutorial mostrando como verificar o saldo disponível para o saque no FGTS.  “Vemos estes recursos como uma nova fonte de capital à disposição do empreendedor, que na nossa visão tem um papel fundamental na retomada da atividade econômica e é quem melhor saberá geri-la”, explica Machado. 

+FGTS: saque de contas inativas poderá ser feito a partir de fevereiro

A linha de antecipação será disponibilizada para os correntistas elegíveis que tenham contas inativas do FGTS até dezembro de 2015 e com limites pré-aprovados pelo Banco. A apresentação de garantias e comprovações não será obrigatória, sendo necessário apenas informar o valor que tem a receber para que o serviço seja executado dentro do limite de cada cliente.

Parte da ação sazonal “Começar Bem”, a iniciativa do Banco tem como intuito garantir ao cliente estabilidade financeira para que possa começar o ano sem muitas preocupações, além de fornecer outras modalidades de financiamento, como o crédito unificado, que reúne saldos devedores em cartão de crédito, crédito pessoal e cheque especial, permitindo assim, o parcelamento de dividas em até 60 meses e mantendo parte dos limites rotativos. Outro meio de acesso a esse recurso é o consignado unificado, cujo diferencial é seguir as regras do convênio da empresa ou do órgão público.

+ Temer anuncia pacote de medidas microeconômicas

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários