Tamanho do texto

Entre os países que mais receberão viajantes para o Réveillon estão: Estados Unidos, França, Austrália, Espanha e Reino Unido, informou o Airbnb

 Balanço prévio do Airbnb, aplicativo de hospedagem, estima que 2 milhões de pessoas vão comemorar a virada do ano em acomodações que foram ofertadas na plataforma.  Segundo a empresa esse número é quase o dobro na comparação com o Réveillon de 2015.

+ Quem define o período de férias? Tire essa e outras dúvidas com especialistas

Réveillon: Airbnb estima 2 milhões de pessoas se hospedando por meio da plataforma
Reprodução/The Mirror
Réveillon: Airbnb estima 2 milhões de pessoas se hospedando por meio da plataforma

Em relação à virada do ano de 2009 o Airbnb afirmou que o crescimento foi de 1.400 vezes. A plataforma afirmou que os mais de 2 milhões de hóspedes vão se deslocar para cerca de 200 destinos distintos em todo o Mundo.  Entre os países que mais receberão viajantes para o Réveillon estão: Estados Unidos, França, Austrália, Espanha e Reino Unido.

Já com relação às cidades, Nova York figura  mais uma vez como um dos destinos mais populares entre os usuários do Airbnb para o Ano-Novo, com um total projetado de 55 mil hóspedes no período. Seguindo o caminho da Big Apple estão Londres, Paris, Tóquio e Roma, que aparecem nessa ordem entre as mais procuradas na plataforma.

Gastos no período

O preço médio de imóveis reservados para o Ano-Novo foi de US$ 95 por noite  – aproximadamente R$ 333. Apenas na cidade de Nova York, o Réveillon deve garantir uma renda extra de US$ 32 milhões, ou seja, R$ 112 milhões para os anfitriões do Airbnb e, em Londres, cerca de US$ 21 milhões, o que representa R$ 73,5 milhões. Juntando as cinco cidades com maior número de reservas, esse valor sobe para US$ 90 milhões , ou R$ 315 milhões.

+ Após negociação, Venezuela libera retorno de brasileiros retidos na fronteira

Enquanto cidades clássicas como Nova York e Paris continuam em alta, lugares como Cuba, Nova Zelândia, Japão, Espanha e México surgem como novas tendências de destinos do Airbnb para as viagens de fim de ano. As cidades que apresentaram maior crescimento para esta época do ano desde 2015 são Havana (Cuba); Queenstown (Nova Zelândia); Las Palmas, nas Ilhas Canárias (Espanha); Fukuoka-shi (Japão) e Cancun (México).

Novos mercados

Notícia veiculada na agência Bloomberg afirma que o Airbnb está de olho em novos mercados. A perspectiva é que a empresa passe a oferecer a venda de passagens aéreas, agregando assim mais um serviço em sua plataforma. A agência afirmou ainda que a expextativa da plataforma é facilitar a vida do consumidor, ao ofertar a venda de passagens e locais para hospedagem no mesmo aplicativo.

Não existe previsão para a inserção da venda de passagens.  Outra possível novidade na plataforma de hospedagem é a abertura de capital da empresa, fato esse que ocorreria só em 2018. 

+ É possível viajar na alta temporada sem gastar muito; especialista explica como

    Leia tudo sobre: Aplicativo

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.