Tamanho do texto

As inscrições poderão ser realizadas pelo site supermei.sebraesp.com.br, pela Central de Atendimento e nos Escritórios Regionais do Sebrae-SP.

O estado de São Paulo possui mais de 1,6 milhão de microempreendedores individuais (MEIs). Para aqueles que buscam aperfeiçoamento e desenvolvimento profissional o Sebrae-SP lançou o programa Super MEI, com pilares na formalização e capacitação dos empreendedores.

Agência Sebrae
"Conhecimento técnico, aprimoramento da gestão e o acesso a novos mercados são fundamentais nesta hora”, diz Skaf

São quatro etapas no Super MEI : formalização para quem ainda não está regularizado; cursos de gestão, envolvendo controle financeiro e vendas; formação técnica em instituições técnicas parceiras; e acesso ao mercado por meio de um aplicativo e um portal onde o empreendedor poderá oferecer seus produtos e serviços.

Os cursos de gestão tem duração de oito horas. Os de formação técnica, de 20 a 50 horas. Se fossem pagos pelo empreendedor, os cursos oferecidos gratuitamente pelo programa custariam de R$ 300 a R$ 1 mil. Todos eles oferecem certificado de conclusão.

“Quem quer se destacar neste ambiente de alta concorrência e recessão, não pode ficar parado. Tem que fazer mais e melhor, com menos recursos e de olho nas tendências. A busca de conhecimento técnico, aprimoramento da gestão e o acesso a novos mercados são fundamentais nesta hora”, diz o presidente do Sebrae-SP, Paulo Skaf.

O programa prevê 223 cursos, preferencialmente ministrados no período noturno, em 18 diferentes segmentos (como beleza, alimentação, construção civil etc), oferecidos pelas unidades do Centro Paula Souza, órgão do governo estadual responsável pelas Fatecs e Etecs, pelo Senac e Senai.

“O Super MEI é um programa completo. Cuida de todas as etapas – a formalização, a capacitação técnica, a capacitação em gestão, o acesso ao crédito fácil e barato e ainda ajuda a fechar negócio. E tudo isso de graça. Uma grande oportunidade para quem já é empreendedor ou quer abrir uma empresa individual”, afirma o diretor superintendente do Sebrae-SP, Bruno Caetano.

Inscrições

As inscrições para o Super MEI poderão ser realizadas pelo site supermei.sebraesp.com.br, pela Central de Atendimento 0800 570 0800 e nos Escritórios Regionais do Sebrae-SP. 

O empreendedor deve assinalar a área de interesse a partir das opções oferecidas em sua região. A partir da demanda, o Sebrae-SP vai convocar os inscritos para formar turmas de 16 a 20 pessoas para dar início aos cursos.

A única exigência para a maioria dos cursos é que o interessado seja um MEI. Alguns específicos, como o de fotografia e produtor musical, podem pedir conhecimento prévio no tema. Após finalizar uma capacitação, o empreendedor deve aguardar seis meses para se inscrever em outro tema.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.