Brasil Econômico

undefined
iStock
Tornar-se um microempreendedor pode ser a solução para quem deseja abrir um negócio próprio sem investir muito alto


Abrir um negócio próprio não é uma tarefa das mais fáceis. Além de toda a burocracia, o investimento, que pode ser muito elevado, acaba impossibilitando algumas pessoas de colocar a ideia em prática. Tornar-se um microempreendedor, portanto, pode ser a solução. 

LEIA:  Seu chefe é uma pessoa difícil? Veja cinco dicas de como lidar com ele

Existem diversas opções de baixo investimento para quem deseja se tornar um microempreendedor . Fabio Duran, sócio da Elefante Verde – plataforma que liga pequenos empresários a seus clientes nos meios digitais –, criou uma lista dos melhores negócios para abrir com pouco dinheiro, baseado em uma pesquisa que envolveu todos os clientes da empresa. Confira: 

Bolos caseiros 

Se você manda bem na cozinha e sabe fazer bolos, pode usar seu dom para abrir um empreendimento e ganhar dinheiro. O negócio é comum em lojas físicas, mas, nos últimos tempos, ganhou a internet como aliada nas vendas. 

LEIA MAIS: Conheça quatro profissões em alta durante a crise

Os meios digitais permitem que o empresário tenha maior facilidade para entrar em contato com clientes e, além disso, os gastos para dar início ao empreendimento são relativamente baixos, tendo em vista, por exemplo, que é possível fazer entregas por meio de parcerias com empresas de motoboys e reduzir os custos. 

Produtos e decoração para festas infantis

Mesmo em tempos de dificuldade financeira, os pais ainda têm o desejo de fazer festas de aniversário para os seus filhos. O valor cobrado por buffets, no entanto, acaba deixando a celebração fora do orçamento. 

Por conta disso, investir em produtos para locação, como os infláveis, pode ser uma boa opção de empreendimento. A internet também pode ajudar muito nesses casos, pois serve para a divulgação dos serviços. É sempre importante utilizar bem o espaço, colocando fotos e permitindo que as pessoas tenham uma boa ideia do que você está oferecendo. 

Serviços de estética em domicílio

Abrir um empreendimento para oferecer serviços de estética pode ser uma excelente opção. Trabalhar com maquiagens, cabelos, unhas e massoterapia, por exemplo, tem gerado bons rendimentos a uma série de profissionais. 

LEIA TAMBÉM: Confira 5 dicas para comprar produtos na internet com segurança

Nestes casos, a internet pode ajudar muito o microempreendedor, principalmente se houver uma boa estratégia nas redes sociais. Promoções também costumam fazer sucesso, pois são atraem os clientes. Oferecer um custo baixo e levar o serviço até a casa dos clientes é o grande diferencial. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários