Petrobras, BRF e Minerva estão nos destaques de casas de análises
Redação 1Bilhão
Petrobras, BRF e Minerva estão nos destaques de casas de análises

Mudanças na Petrobras e no Conselho da Marfrig estão no resumo coprorativo da Guide Investimentos desta terça-feira.

Acompanhe:

Petrobras (PETR4)

Na tarde de ontem, o Ministério de Minas e Energia (MME) confirmou a indicação de Adriano Pires, fundador do Centro Brasileiro de Infraestrutura (CBIE) e especialista em energia, para a presidência da estatal, no lugar de Joaquim Silva e Luna.

Pires já havia afirmado que a Petrobras errou em ficar tanto tempo sem reajustar os preços, por criar grandes defasagens em relação ao mercado internacional, alertando também para o risco crescente de desabastecimento.

A união, que é a principal acionista da estatal, indicou no total seis nomes para compor o conselho de administração da estatal. Os indicados serão submetidos à aprovação da assembleia de acionistas no próximo dia 13 de abril.

Além dos 6 nomes, Rodolfo Landim, presidente do Flamengo, foi indicado para exercer a presidência do conselho da estatal.

“Marginalmente negativo. A troca de presidente em um período curto de tempo, motivada pela elevada pressão popular sobre a alta do preço dos combustíveis e política de paridade da Petrobras, gera uma ansiedade em relação aos investidores no que tange a governança da estatal. Entretanto, não esperamos uma reação muito negativa ontem, dada que a notícia foi anunciada ontem, durante o pregão. Além disso, Pires é um nome com histórico técnico no setor de energia e que simpatiza com a política de preço atualmente praticada pela petrolífera, e, portanto, não vemos impactos negativos, por ora, no médio prazo.”

BRF (BRFS3):

A BRF aprovou ontem a indicação do controlador da Marfrig, Marcos Molina, como novo presidente do conselho de administração da empresa de aves e suínos.

A empresa de Molina é atualmente a maior acionista da BRF e havia demonstrado interesse em indicar os seus próprios membros do conselho de administração após ter adquirido uma participação de 33,25%.

Leia Também

Entre nos nossos grupos para traders: http://bit.ly/3tXPfCd

A Previ, fundo de pensão dos funcionários do Banco do Brasil, reclamou anteriormente e solicitou, na semana passada, o voto múltiplo para a eleição do conselho. Entretanto, no último domingo, a Previ e a Marfrig anunciaram terem concordado com a indicação de Aldo Luiz Mendes, doutor em Economia pela Universidade de São Paulo, ex-Vice Presidente de Finanças do Banco do Brasil e ex-Diretor do Banco Central, para a chapa que irá compor o Conselho de Administração da BRF.

“Neutro. Não esperamos maiores reações para a notícia, dado que o resultado era amplamente aguardado, e foi anunciado durante o pregão desta segunda-feira. Apesar disso, vemos como positiva a aprovação da chapa que conta com Marcos Molina como presidente do conselho da BRF.”

Minerva (BEEF3):

A Minerva (BEEF3) comunicou ao mercado a parceria com a Biofílica Ambipar (subsidiária da Ambipar – AMBP3) com foco no desenvolvimento de projetos de baixo carbono na cadeia de agronegócios na América do Sul, com exceção de Brasil e Peru. A joint venture será responsável pela avaliação e implementação desses projetos nas propriedades conectadas na cadeia de abastecimento da Marfrig, resultando na originação de créditos de carbono para os fornecedores, que poderão ser comercializados.

“Positivo. A parceria reforça o compromisso da Ambipar com o meio ambiente e influência sobre os insumos, mitigando diversos riscos inerentes a atividade agropecuária e atestando a origem fidedigna de seus bovinos.”

Entre nos nossos grupos de WhatsApp e receba notícias do mercado em tempo real.

O post Petrobras, BRF e Minerva estão nos destaques de casas de análises apareceu primeiro em 1 Bilhão Educação Financeira .

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários