Bolsa de Valores (B3) para iniciantes: como começar a investir do zero?
Redação 1Bilhão Educação Financeira
Bolsa de Valores (B3) para iniciantes: como começar a investir do zero?

Além de saber como entrar na bolsa de valores é necessário se atentar também às pegadinhas do mercado financeiro e o que não fazer ao investir em ações.

A maioria das pessoas não investe porque acredita que investimento é algo extremamente complicado, e é apenas para quem tem muito dinheiro. Porém, investir é mais fácil do que grande parte dos brasileiros imagina.

Por isso é necessário desmitificar a lenda de que investimento é para ricos e pessoas geniais, principalmente o investimento em ações. Mas você precisa ter noção do que está fazendo. Por isso, você pode se cadastrar em nossos grupos de WhatsApp para receber diversas notícias, análises e conteúdos que vão te ajudar a entender melhor o andamento da bolsa e de outros investimentos. Para você se cadastrar, basta clicar neste link aqui .

O que é o investimento em ações?

Quando se compra uma ação, na verdade se está comprando um pedaço de determinada empresa, então se ela segue um bom desempenho constante, se destaca no mercado financeiro e no seu segmento, portanto suas ações podem passar por uma valorização.

Por exemplo, vamos supor que uma pessoa tem uma padaria, e quer expandir a rede, abrindo a possibilidade para ter outros sócios, dessa forma é possível ter mais potência para investir em outras unidades da rede de padarias. Basicamente, investir em ações é a mesma coisa.

Leia Também

Uma empresa abre o seu capital para captar dinheiro e investir em melhorias, expansão, entre muita outras possibilidades.

Como investir do zero?

O primeiro passo é abrir uma conta em uma corretora de valores , que é uma instituição financeira que faz o intermédio entre o cliente e as empresas de capital aberto, que são listadas na B3 (B3SA3), que são as únicas que podem vender ações.

Com isso, separamos uma lista com as corretoras mais conhecidas do mercado financeiro atualmente:

  • Modal
  • XP investimentos
  • Rico
  • NuInvest
  • Banco Inter

Para abrir uma conta é muito fácil, basta preencher com alguns dados, como nome, CPF e e-mail, possivelmente enviar alguns documentos. Em torno de 24 horas a conta já estará aberta e será possível começar a investir em ações.

Após a conta aberta é necessário transferir dinheiro da conta bancária para a corretora escolhida. O dinheiro será vinculado ao CPF, dessa forma ele só transitará para lugares onde há autenticação do responsável. pessoas mais experientes e pergunte a opinião delas.

Saiba mais lendo a matéria completa em 1Bilhão , parceiro do iG.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários