Conheça 5 tendências tecnológicas que impulsionam o mercado financeiro

A inovação e transformação trazida pela tecnologia e suas inovações causaram uma influência significativa em todos os setores da vida humana nos últimos anos.

Depois da revolução industrial 4.0 e da internet móvel, mudamos a forma como nos relacionamos, transformamos a maneira que produzimos e trabalhamos.

Uma pesquisa realizada pela Federação Brasileira de Bancos (FEBRABAN), em 2020, mostrou que os bancos aumentaram em 48% os investimentos em tecnologia. Na pandemia , por exemplo, as transações de “Pessoa Física” nos canais digitais chegaram a representar 74%.

Portanto, conheça 5 tendências tecnológicas que podem revolucionar o mercado financeiro.

1 – Fintech

O dia em que os grandes bancos de investimentos governavam o setor de serviços financeiros pode está chegando ao fim. Isso porque as fintech estão revolucionando o funcionamento da área.

Leia Também

2 – Blockchain

Desde o surgimento do Bitcoin (BTC) como uma moeda viável, para muitos investidores, a tecnologia blockchain tem se tornado cada vez mais popular.

Leia Também

3 – Inteligência Artificial

Embora os serviços bancários e financeiros tendem a ser mais lentos para adotar novas tecnologias, um estudo da PricewaterhouseCooper, network de firmas independentes, confirma que a maioria dos tomadores de decisão de serviços financeiros está investindo em Inteligência artificial (IA).

4 – Big Data

Uma das maneiras de determinar a influência de uma tecnologia em um setor é observar como o mesmo está investindo nele. A área bancária é, atualmente, um dos principais investidores em soluções de Big data e Business Analytics, de acordo com o Guia Semestral de Big Data e Analytics Spending da IDC.

5 – LGPD

A Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) do Brasil traz um esclarecimento extremamente necessário ao arcabouço jurídico brasileiro. O LGPD tenta unificar os mais de 40 estatutos diferentes que, atualmente, regem os dados pessoais, tanto online quanto offline, substituindo certos regulamentos e complementando outros.

“A LGPD se aplica a qualquer empresa ou organização que processe dados pessoais de pessoas no Brasil, independentemente de onde essa empresa ou organização esteja localizada”, finaliza Patrus.

Saiba mais em 1Bilhão , parceiro do iG.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários