Nesta terça-feira (27), ao divulgar o balanço do terceiro trimestre, o Banco Inter (BIDI11) apresentou um lucro líquido de R$ 19,25 milhões, revertendo o prejuízo de R$ 8,06 milhões acumulado no mesmo período em 2020.

Por outro lado, o lucro reportado foi inferior ao projetado pelo consenso da Refinitiv, que aguardava um valor de R$ 34,76 milhões. Ao todo, o lucro anual da companhia soma R$ 58,326 milhões. Ao mesmo tempo que, no terceiro trimestre de 2020, a empresa registou um prejuízo de R$ 13,8 milhões.

Terceiro trimestre do Banco Inter

De acordo com o banco, o que difere o balanço atual pode ser a ampliação das receitas de operações de crédito. Além disso, houve um aumento expressivo nas transações dentro do marketplace do Inter.

Leia Também

Segundo João Vitor Menin, CEO do Banco Inter, o volume bruto de mercadorias, em relação ao marketplace, chegou a R$ 946 milhões. Ou seja, este volume caracteriza uma valorização de 151% em relação ao mesmo período no ano passado.

Logo, a carteira de crédito do Inter obteve um lucro de R$ 16 bilhões neste trimestre, o que representa um crescimento de 116% frente à base anual. Já a produção de crédito, o banco atingiu uma marca histórica, chegando a R$ 5,5 bilhões, uma alta de 121%.

Neste terceiro trimestre, o Banco Inter ultrapassou 14 milhões de correntistas. Posto que, em torno de 33 mil usuários por dia útil acessaram a plataforma para consultar a conta. Assim como, mais de 422 milhões logaram na plataforma.

Recuperação do banco digital

Nesta semana, a ação do Banco Inter apresentou sinais de recuperação. Isso após acumular uma queda de 21,39% na última semana, representando a maior baixa do Ibovespa. No mês de setembro, a fintech já tinha apresentado uma baixa de 30%.

Saiba mais em 1Bilhão , parceiro do iG.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários