Nubank contrata bancos para liderar IPO de US$ 40 bilhões na bolsa de valores dos EUA

O IPO do Nubank está cada vez mais próximo. Programada para o final de novembro deste ano, o maior banco digital do mundo vai estrear na Bolsa de Valores norte-americana, o Índice Nasdaq, com um valor de mercado de aproximadamente US$ 70 bilhões.

Já no Brasil, o Nubank planeja lançar seus Brazilian Depositary Receipts ( BDRs ), ou seja, certificados de ações estrangeiras negociados na Bolsa de Valores brasileira (B3). A informação foi divulgada pelo jornal O Estado de S. Paulo.

Com o valor de mercado maior do que US$ 50 bilhões, a fintech brasileira vai superar alguns dos maiores bancos tradicionais do Brasil, também listados nos Estados Unidos. Um exemplo é o Itaú (ITUB4), avaliado em US$ 42 bilhões, e o Bradesco (BBDC4), que soma US$ 34 bilhões.

Leia Também

Lucro de R$ 76 milhões

O primeiro lucro registrado pelo Nubank foi de R$ 76 milhões no primeiro semestre de 2021. Vale lembrar que a quantia é inferior ao que o banco digital já tomou de prejuízo. Só em 2019 e 2020, foram R$ 542 milhões no negativo.

Mesmo assim, a conquista do primeiro lucro é significativa para o banco digital e uma ótima notícia para os investidores, uma vez que o roxinho logo mais estreará sua oferta pública inicial ( IPO ) na bolsa de valores norte-americana.

Em suma, o valor adquirido de lucro não será distribuído aos investidores. De acordo com o Nubank, o dinheiro deve ser reaplicado na instituição como forma de investimento. Com isso, melhorando alguns produtos e serviços.

Leia Também

Nubank contrata bancos para liderar IPO de US$ 40 bilhões na bolsa de valores dos EUA
Logotipo do Nubank

Nubank entre as 100 maiores

Em resumo, com a oferta pública inicial nos Estados Unidos, o Nubank almeja conquistar US$ 100 bilhões em valor de mercado. Portanto, caso alcance, a fintech ficará entre as 100 maiores norte-americanas.

Saiba mais em 1Bilhão , parceiro do iG.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários