Tamanho do texto

SÃO PAULO - Wall Street opera no terreno positivo no fim desta manhã, deixando para trás as perdas de mais de 2% da jornada passada. Os investidores analisam a perda trimestral do Lehman Brothers maior do que o previsto e os planos do banco de investimentos para reparar suas finanças.

No começo do dia, o Lehman informou um prejuízo de US$ 3,9 bilhões no terceiro trimestre fiscal, ou US$ 5,92 o papel. É a maior perda trimestral desde a estréia em bolsa do banco, em 1994.

As ações do banco subiam mais de 2,5% há instantes. Ontem, caíram 45% depois da notícia de que o Korea Development Bank (KDB) desistiu de investir no Lehman.

Os agentes avaliam ainda a decisão da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), de reduzir em 500 mil barris por dia, a produção do grupo.

Instantes atrás, o Dow Jones subia 0,34%, aos 11.269,16 pontos. O S & P 500 tinha acréscimo de 0,44%, somando 1.229,92 pontos. O Nasdaq ganhava 0,73%, para 2.225,94 pontos.

(Juliana Cardoso | Valor Online, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.