Tamanho do texto

SÃO PAULO - O pregão de quinta-feira tem agenda pouco carregada

. O destaque do dia fica por conta das vendas no comércio varejista brasileiro no mês de junho. Está prevista elevação de 0,5%, após alta de 0,6%. Ainda na agenda local, a Fundação Getulio Vargas (FGV) apresenta o Índice de Preços ao Consumidor Classe 1 (IPC-C1) de junho, destinado a medir a inflação para os consumidores de renda familiar até 2,5 salários mínimos. Na agenda americana, merecem atenção a demanda semanal por seguro-desemprego e a balança comercial de junho. Fechando a semana, aparecem as vendas no varejo e a confiança do consumidor americano. (Eduardo Campos | Valor)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.