Tamanho do texto

No período, produção nacional de motos caiu 4% ante o registrado no ano passado

selo

No primeiro trimestre deste ano foram comercializadas no mercado interno brasileiro (das fábricas para as concessionárias) 468.493 motocicletas, o que representou uma queda de 7% em relação ao mesmo período de 2011, quando foram vendidas 503.646 unidades. A produção nacional também recuou no período. Foram fabricadas 509.545 unidades de janeiro a março, ante 533.082 motocicletas nos três primeiros meses do ano passado, o que significou uma retração de 4%. Os dados foram divulgados nesta quinta-feira pela Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares (Abraciclo).

Leia também: Produção de veículos sobe 41,6% em março, mas cai no 1º trimestre

No mês de março foram comercializadas 164.688 unidades, volume 5% menor em relação ao mesmo mês de 2010 e 11% acima do desempenho de fevereiro. Apesar do aparente crescimento sobre o mês passado, as vendas diárias no período (7.486 unidades) ficaram abaixo das feitas em fevereiro (7.844 unidades).

Já as vendas para o consumidor final (emplacamentos) apresentaram um leve avanço, de 1%, entre janeiro e março em comparação com os primeiros três meses de 2011. Segundo a Abraciclo, o crescimento moderado é resultado do empenho das marcas em campanhas promocionais e facilidades nas vendas.

"A baixa qualidade de vendas, com redução da margem de lucro, evitou uma queda nos emplacamentos no período. Com a restrição ao crédito e o estoque elevado, as redes de concessionárias foram forçadas a recuar os preços e darem descontos", afirmou em nota Moacyr Alberto Paes, assessor de imprensa da Abraciclo.

A produção em março foi de 179.451 unidades, 17% acima do total fabricado em fevereiro. Mas as vendas diárias do período (8.157) ficaram praticamente estáveis, apenas 1% superiores às do mês anterior.

As vendas externas, porém, continuam crescendo. As exportações do primeiro trimestre somaram 22.473 unidades, 71% acima do memso período do ano passado(13.170). No comparativo mês a mês, com 6.978 unidades comercializadas, março apresenta queda de 20% sobre fevereiro (8.737).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.