Tamanho do texto

SÃO PAULO - A segunda semana de maio tem numerosa agenda de indicadores tanto em front doméstico quanto externo. Por aqui, o destaque fica por conta das vendas no comércio varejista.

Já nos Estados Unidos, atenção á produção industrial. Hoje, além dos tradicionais boletim Focus, do Banco Central, há a divulgação do Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) e da balança comercial. O dia também reserva a primeira prévia do Índice Geral de Preços-Mercado (IGP-M). No campo externo, está agendada reunião do Banco da Inglaterra (BoE), que deve optar pela manutenção do juros básico em 0,5% ao ano. Ainda hoje, mas durante à noite, a China apresenta o índice de preços ao consumidor, vendas no varejo e produção industrial. Na terça-feira, sai o IPC da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe). Já na quarta-feira, o dia começa com o PIB da zona do euro. Por aqui, saem as vendas no varejo. Na quinta-feira dia morno, com o índice de preços de importação e pedidos semanais por seguro-desemprego nos EUA. Já na sexta-feira, a agenda local traz o IGP-10. Mas o destaque fica com os indicadores americanos referentes à venda no varejo, à produção industrial e à confiança do consumidor. No front corporativo, segue a temporada de balanços das empresas brasileiras, com destaque para os números da Petrobras, Banco do Brasil (BB), BR Foods, Pão de Açúcar, Telemar. No campos externo, saem os números da Legg Manson, Wal-Mart, Walt Disney, Credit Agricole, Deutsche Telecom, ThyssenKrupp e Telefonica. (Eduardo Campos | Valor)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.