Tamanho do texto

A Argentina deixou sem efeito os impostos móveis que incidiam sobre as exportações de matérias-primas agrícolas como a soja, milho, girassol e derivados, depois da rejeição pelo Senado da iniciativa governamental, anunciou nesta sexta-feira o chefe de Gabinete, Alberto Fernández.

dm/ja/sd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.