Tamanho do texto

São Paulo, 28 - A Associação Brasileira dos Produtores e Exportadores de Frango (Abef) e a União Brasileira de Avicultura (UBA) formarão uma única entidade, que reunirá mais de 100 associados em 11 Estados. Em assembleia realizada hoje, em São Paulo, foi aprovada a união das duas entidades e eleita a diretoria.

São Paulo, 28 - A Associação Brasileira dos Produtores e Exportadores de Frango (Abef) e a União Brasileira de Avicultura (UBA) formarão uma única entidade, que reunirá mais de 100 associados em 11 Estados. Em assembleia realizada hoje, em São Paulo, foi aprovada a união das duas entidades e eleita a diretoria. O presidente da Abef, Francisco Turra, será o presidente executivo da nova associação, que manterá o nome União Brasileira de Avicultura (UBA). Por pelo menos um ano, no entanto, a denominação da Abef deve ser mantida para o cumprimento de contratos em curso. O atual presidente da UBA, Ariel Mendes, ocupará o cargo de diretor de produção e técnico-científico da nova entidade. Ricardo Santin será diretor de mercados da nova UBA, enquanto José Perboyre ficará com o cargo de diretor administrativo e financeiro. Segundo Turra, o objetivo de unir as duas entidades é criar uma associação mais forte. "A maioria dos temas de interesse de UBA e Abef são comuns. Com a união, criamos uma entidade com mais musculatura e bem estruturada, que terá uma visão do setor como um todo", afirmou. O valor anual da produção dos associados da nova entidade é estimado em R$ 35 bilhões, segundo Turra. Essas empresas consomem aproximadamente 20 milhões de toneladas de milho por ano, o equivalente a aproximadamente 41% da safra brasileira.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.