Tamanho do texto

Número de famílias com contas em atraso foi de 19,9%, ante 22,1% em 2011 e 21,2% no mês anterior

selo

O percentual de famílias endividadas em janeiro atingiu 58,8%, um recuo frente aos 59,4% de janeiro de 2011, apontou a Pesquisa Nacional de Endividamento e Inadimplência (Peic) divulgada nesta terça-feira pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). Na comparação com dezembro do ano passado houve leve alta, de 0,2 ponto percentual.

O total de famílias com contas em atraso foi de 19,9%, ante 22,1% um ano atrás e 21,2% no mês anterior. É o menor nível da série histórica iniciada em janeiro de 2010. O número de famílias que declararam não ter condições de pagar suas dívidas também foi menor. O percentual neste mês foi de 6,9%, bem abaixo dos 7,9% de janeiro do ano passado. Em dezembro, 7,2% das famílias afirmaram não ter condições de quitar seus débitos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.