Tamanho do texto

A companhia japonesa Toshiba anunciou nesta quinta-feira que cortará 4.500 empregos até o final de março depois de prognosticar que seus resultados anuais ficarão no vermelho por causa da crise econômica.

Estas supressões de empregos fazem parte de um plano de reestruturação que pretende reduzir custos fixos do grupo em 300 bilhões de ienes (2,5 bilhões de euros), para voltar a ter lucros no exercício 2009-2010.

De abril a dezembro, a Toshiba sofreu uma perda líquida de 159,6 bilhões de ienes (1,33 bilhões de euros). O grupo prevê acabar o ano no vermelho, com uma perda líquida de 280 bilhões de ienes (2,33 bilhões de euros).

Leia também:

Leia mais sobre lucros

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.