Tamanho do texto

SÃO PAULO - O Parlamento japonês confirmou nesta quarta-feira Taro Aso como primeiro-ministro do país. As duas câmaras do país, contudo, chegaram a um resultado diferente, mas prevaleceu a decisão da Câmara Baixa conforme determina a Constituição do Japão.

Com a definição, Aso torna-se o 92º premiê eleito do Japão.

Após o anúncio de sua designação, Aso, de 68 anos, manifestou que indicará as pessoas adequadas para os cargos adequados. "O novo gabinete não decepcionará o povo japonês", disse.

No início deste mês, Yasuo Fukuda renunciou ao posto de primeiro-ministro com menos de um ano no cargo.

(Valor Online, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.