Tamanho do texto

Por Jonathan Spicer e Rachelle Younglai

NOVA YORK/WASHINGTON (Reuters) - O principal órgão regulador do mercado norte-americano informou que não foi descoberto um evento único que explique a misteriosa queda do mercado na última quinta-feira, mas o ocorrido é inaceitável e medidas adicionais serão tomadas.

Por Jonathan Spicer e Rachelle Younglai

NOVA YORK/WASHINGTON (Reuters) - O principal órgão regulador do mercado norte-americano informou que não foi descoberto um evento único que explique a misteriosa queda do mercado na última quinta-feira, mas o ocorrido é inaceitável e medidas adicionais serão tomadas.

A presidente da Securities and Exchange Commission (SEC), Mary Schapiro, disse que levará tempo para detectar a causa e reiterou um acordo com as principais bolsas para fortalecer as regras de negociação em resposta aos movimentos fortes do mercado.

Em depoimento preparado para uma audiência no Congresso ainda nesta terça-feira, Schapiro disse que funcionários da SEC estão nos principais mercados para monitorar as condições das operações.

"Estou comprometida em encontrar soluções efetivas no curtíssimo prazo", acrescentou.

Schapiro afirmou que os reguladores ainda estão vasculhando mais de 17 milhões de operações com ações listadas durante a hora iniciada às 14h (horário local) de 6 de maio. Ela citou que o aumento das operações em múltiplos mercados ao longo dos últimos anos torna a investigação complexa.

Ela deu maior peso à teoria de que uma confluência de eventos foi responsável pelo movimento, mas não chegou a uma conclusão.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.