Tamanho do texto

Los Angeles (EUA.), 3 mai (EFE).

Los Angeles (EUA.), 3 mai (EFE).- O governador da Califórnia, Arnold Schwarzenegger, suspendeu hoje seus planos para permitir novas explorações de petróleo perto da costa do estado, depois do desastre ecológico causado pelo derramamento de óleo no Golfo do México. O governador republicano comunicou hoje, em entrevista coletiva, que tinha mudado de ideia sobre o benefício para a Califórnia de uma nova plataforma de extração de petróleo no mar, com as evidências dos problemas de segurança dessas instalações marinhas. Schwarzenegger tinha a intenção de aprovar o projeto Tranquillon Ridge, para expandir as explorações de petróleo no litoral de Santa Bárbara, no sul do estado americano, dentro de seu plano de medidas drásticas para acabar com o déficit californiano, de cerca de US$ 20 bilhões. Em sua proposta de janeiro, o governador estimou que a Califórnia ganharia US$ 119 milhões entre 2010 e 2011 e um total de US$ 1,8 bilhão em 14 anos se autorizasse a produção. "Se tiver que escolher entre US$ 100 milhões e o que vejo no Golfo do México, preferiria conseguir de outra forma esses US$ 100 milhões", disse Schwarzenegger. "Acho que todos repassamos infinitos estudos e pesquisas antes de tomar uma decisão como essa (de permitir a exploração)", assegurou. EFE fmx/pd

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.