Tamanho do texto

Economia avançou 3,4% no período, previsão inicial da agência federal de estatísticas era de 3,7%

A economia da Rússia cresceu menos que o previsto no segundo trimestre de 2011, dificultando a meta do governo de atingir uma expansão de 4,2% neste ano, diante da proximidade das eleições.

A agência federal de estatísticas russa informou nesta quinta-feira que o Produto Interno Bruto (PIB) do país avançou 3,4% no segundo trimestre em relação ao mesmo período do ano passado. O Ministério de Economia dissera, em julho, que o PIB poderia crescer 3,7% entre abril e junho.

Os dados mostraram que a recuperação econômica da Rússia desacelerou ainda mais, após crescimento de 4,1% nos primeiros três meses do ano.

A economia da Rússia tem ampla exposição aos preços do petróleo e às tendências econômicas globais. Por isso, alguns analistas já estão céticos sobre as projeções feitas quando os preços do petróleo Brent estavam mais elevados.