Tamanho do texto

A Bolsa de Dubai caiu 5,84% nesta segunda-feira, enquato a de Abu Dhabi perdeu 1,73%, afundadas por comentários sobre a provável venda de ativos do conglomerado público Dubai World para pagar sua bilionária dívida, que vence na próxima semana.

As duas bolsas havia registrado boas altas no domingo: +3,89% em Dubai e +1,18% em Abu Dhabi.

A recaída nesta segunda-feira se deve às declarações do diretor do departamento financeiro do emirado, Abdel Rahman al Saleh, para quem a Dubai World pode vender alguns ativos nos Emirados Árabes Unidos e no exterior para honrar parte de sua dívida.

"A venda de alguns ativos é uma medida normal para reforçar a situação financeira do grupo nestas circunstâncias", disse al Saleh, em entrevista ao canal Al Jazeera.

Além disso, al Saleh confirmou que o governo de Dubai não garante a dívida da Dubai World.

"É preciso fazer a separação entre o governo e o grupo, e os documentos de criação do grupo estipulam que o governo de Dubai não garante suas dívidas", afirmou.

bur/ap

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas