Tamanho do texto

O Rio Grande do Sul obteve autorização do Ministério da Agricultura para estender a vacinação contra a febre aftosa por causa das dificuldades causadas pelas chuvas em novembro. O período terminaria ontem, mas foi prorrogado até 15 de dezembro.

Essa etapa é de reforço, quando são vacinados animais jovens, com até 24 meses de idade. O Rio Grande do Sul tem 13,5 milhões de cabeças de gado e mais da metade receberá a vacina.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.