Tamanho do texto

Resolução unificá em 4% a alíquota de ICMS interestadual nas operações de importações

selo

O ministro da Fazenda, Guido Mantega, informou há pouco que estará na próxima terça-feira (13) na Comissão de Assuntos Econômicos do Senado para falar sobre economia. Ao deixar o ministério, onde participou de café da manhã com a base aliada no Senado, Mantega disse que está sendo encaminhado um acordo para a votação da resolução 72, no Senado, que unifica em 4% a alíquota de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços (ICMS) interestadual nas operações de importações. Mantega acredita que após as audiências públicas previstas para a próxima semana, a matéria deve ser encaminhada para votação.

"A tendência é que seja aprovada", disse. Sobre a intenção de o governo compensar os Estados com a alteração do ICMS, Mantega disse apenas que a Petrobras já tinha investimentos previstos no Espírito Santo e que a ideia não é utilizar a estatal para compensações.

"Não é para compensar. A Petrobras já tinha plano de investimentos no Espírito Santo e vai continuar. Isso não afeta o comportamento da Petrobras", declarou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.