Tamanho do texto

Despesas com pagamento de juros somam US$ 1,116 bilhão no mesmo período

selo

O chefe do Departamento Econômico do Banco Central (Depec), Túlio Maciel, informou que a remessa de lucros e dividendos totaliza US$ 3,003 bilhões em junho até o dia de hoje. As despesas com pagamento de juros somam US$ 1,116 bilhão no mesmo período. Segundo Maciel, as despesas com juros em maio, de US$ 90 milhões, foi a menor da série histórica do Banco Central.

Maciel também informou que a queda de US$ 15 bilhões para US$ 7 bilhões na projeção para investimentos em papéis domésticos (renda fixa) e ações neste ano reflete basicamente o desempenho mais fraco do mercado acionário brasileiro nesta primeira metade do ano. Ele evitou explicar as razões desse desempenho pior dos investimentos em ações, limitando-se a lembrar que em outros países também tem havido desempenho fraco das bolsas de valores.

Já os gastos com viagens internacionais somam US$ 1,023 bilhão em junho até hoje. Segundo Maciel, as receitas com viagens no período somaram US$ 397 milhões e as despesas, US$ 1,42 bilhão. Em junho de 2010, os gastos com viagens fecharam em US$ 911 milhões.

Balança comercial

O chefe do Departamento Econômico do BC explicou que a projeção maior para o superávit na balança comercial em 2011 reflete a melhor expectativa de desempenho com as exportações, com base nos resultados obtidos até agora pelo País nas vendas ao exterior. Segundo ele, as exportações brasileiras têm sido ajudadas pela melhora nos preços das commodities no mercado internacional.

O BC elevou de US$ 15 bilhões para US$ 20 bilhões a expectativa de superávit comercial em 2011 e de US$ 240 bilhões para US$ 250 bilhões a previsão de exportações no ano.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.