Tamanho do texto

Moscou, 21 out (EFE).- A receita das companhias petrolíferas russas por exportação de petróleo e derivados já caíram 45% este ano, informou hoje o ministro das Finanças da Rússia, Alexei Kudrin.

"Nos primeiros nove meses deste ano, a receita pelas vendas de petróleo e derivados (ao exterior) caíram 45%", disse Kudrin, ao discursar na Duma (Câmara Baixa do Parlamento russo).

O ministro explicou que, em todo o ano passado, as petrolíferas russas ganharam US$ 249 bilhões em conceito de exportação, enquanto, de janeiro a outubro deste ano, embolsaram apenas US$ 129 bilhões, segundo a agência de notícias oficial "RIA Novosti".

Acrescentou que, entre 1º de janeiro e 15 de outubro deste ano, o preço médio do petróleo foi de US$ 57,4 por barril, frente à média de US$ 106,4 do ano passado.

Desta forma, a queda da demanda de petróleo no mundo por causa da crise econômica global custou à Rússia 1,6 trilhão de rublos (US$ 54,8 bilhões), precisou o ministro das Finanças. EFE si/an

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.