Tamanho do texto

Os produtores rurais devem pedir ao governo federal a prorrogação do pagamento da primeira parcela da renegociação da dívida agrícola, que vence terça-feira. O total chega a R$ 5 bilhões.

"Se tirar esse capital das empresas neste momento de turbulência, o risco será muito grande", disse José Mario Schreiner, presidente da Comissão Nacional de Cereais, Fibras e Oleaginosas da Confederação da Agricultura e Pecuária (CNA).

Para a entidade, pelo menos 55% dos produtores não têm dinheiro para honrar essa dívida. As informações são do jornal O Estado de S.Paulo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.