Tamanho do texto

Emilio Botín é a 10ª pessoa mais rica da Espanha, com uma fortuna estimada em 1,5 bilhão de euros, segundo a Forbes

Emilio Botin, presidente do Santander
Getty Images
Emilio Botin, presidente do Santander
A Audiência Nacional, tribunal da Espanha, vai investigar o presidente mundial do Banco Santander, Emilio Botin, e sua família por suspeita de fraude fiscal. O banqueiro apareceu na lista de clientes do HSBC na Suíça.

A investigação inclui cinco filhos de Botin, incluindo a ex-presidente do Banesto e líder do Santander no Reino Unido, Ana Patricia Botin, e seu irmão, Jaime Botin, e também seus cinco filhos, que apareceram entre os 659 contribuintes espanhóis que ocultaram milhões na filial suíça do HSBC.

De acordo com o tribunal, em 2010 descobriu-se que o dinheiro na Suíça em 2010. A investigação de documentos fiscais será feita por dois peritos da delegação de maiores contribuintes.

Segundo a revista Forbes, Emilio Botín é a 10ª pessoa mais rica da Espanha, com uma fortuna estimada em 1,5 bilhão de euros.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.