Tamanho do texto

Resultado pode provocar temores de que a recuperação do mercado de trabalho esteja se enfraquecendo

Os novos pedidos de auxílio-desemprego nos Estados Unido subiram na última semana para o maior nível desde janeiro, o que pode provocar temores de que a recuperação do mercado de trabalho esteja se enfraquecendo depois de a criação de empregos ter desacelerado em março.

Fed vê expansão do PIB dos EUA em 2,25% no 1º trimestre

Os pedidos iniciais subiram 13 mil, para um total sazonalmente ajustado de 380 mil, informou o Departamento do Trabalho nesta quinta-feira. O dado da semana anterior foi revisado para 367 mil, contra 357 mil reportado anteriormente.

Economistas consultados pela Reuters haviam estimado queda nos pedidos para 355 mil na semana passada.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.