Tamanho do texto

O PDG da montadora americana Ford, Alan Mulally, está cada vez mais preocupado com a saúde financeira de suas concorrentes General Motors e Chrysler, revela uma entrevista publicada nesta quarta-feira pelo site do Wall Street Journal.

"Cada revelação de nossos concorrentes é uma fonte de crescente preocupação", destaca Mulally.

Na véspera, GM, Ford e Chrysler foram ao Congresso para mostrar seus planos de reestruturação e pedir mais dinheiro.

A GM, considerada a montadora americana em pior situação, pediu um crédito governamental de 18 bilhões de dólares até o final de 2009, e destacou que precisa de 4 bilhões até o final do mês.

A Chrysler solicitou um empréstimo de 7 bilhões de dólares para honrar seus compromissos no primeiro trimestre de 2009.

A Ford, considerada a menos vulnerável das três grandes de Detroit, pediu aos congressistas um crédito de 9 bilhões de dólares, mas espera realizar sua reestruturação sem tocar no dinheiro do governo.

aa/LR

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.