Tamanho do texto

Declaração foi feira pelo titural da Fazenda do Uruguai, Fernando Lorenzo, após reunião do Conselho de Ministros da Economia

Os países da União de Nações Sul-Americanas (Unasul) se mostraram preocupados neste sábado pelo surgimento de "visões protecionistas" na União Europeia, durante uma reunião de seu Conselho de Ministros de Economia paralela à Assembleia do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), realizada em Montevidéu neste sábado.

Leia também Tombini diz que medidas protecionistas são "legítimas"

"Queremos expressar a preocupação pela emergência de impedimentos comerciais, na Europa estão ganhando corpo visões mais protecionistas", afirmou à imprensa o ministro da Economia do Uruguai, Fernando Lorenzo, como porta-voz da reunião. Na União Europeia existe "uma crença menor de que através da troca podem ser facilitadas as relações econômicas internacionais, nós olhamos com preocupação geral", disse Lorenzo.

"Quanto mais aberta e menor é uma economia, mais ela avalia estes temas", afirmou em alusão a nações como o Uruguai, que tem pouco mais de três milhões de habitantes.

Lorenzo foi o único dos participantes da Unasul que fez declarações à imprensa ao término da reunião, que durou aproximadamente uma hora. Também discursaram o ministro da Economia e Finanças Públicas da Argentina, Hernán Lorenzino, a ministra de Planejamento do Brasil, Miriam Belchior, e o ministro da Fazenda do Paraguai, Dionisio Borda, assim como representantes menores dos outros países.

O ministro uruguaio detalhou que na reunião do conselho foram analisadas três áreas de trabalho previamente estabelecidas. A primeira tem relação com os sistemas de cooperação regional para o manejo de reservas internacionais e o instrumento para o acesso a liquidez em geral.

A segunda área está relacionada a temas vinculados aos sistemas de compensação para o comércio, especialmente em moedas locais, e a terceira com o papel do comércio intra-regional. Esta última questão é a que gera mais interesse pelas diferenças refletidas na sexta-feira, durante um fórum organizado pela Associação Latino-Americana de Integração (Aladi), entre diferentes países da região sobre a forma de relação comercial com o exterior.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.