Tamanho do texto

Com o impacto forte da crise nas vendas europeias, o Brasil ultrapassou a Alemanha este ano e se tornou o principal mercado para os caminhões da Mercedes-Benz. De janeiro a setembro, foram vendidos 21,8 mil veículos com mais de 6 toneladas no País, comparados a 16,8 mil na Alemanha.

Em terceiro lugar vem a Turquia, com 3,7 mil. “O Brasil é o primeiro mercado a dar sinais fortes de recuperação”, afirmou Hubertus Troska, vice-presidente executivo da Divisão Caminhões da Mercedes-Benz Europa e América Latina, em visita ao País.

“Na Europa, esta crise é a mais grave que já enfrentamos desde a Segunda Guerra, ou até mesmo desde o início da empresa”, explicou o executivo. A queda das vendas no Brasil este ano ficou abaixo da verificada em outras regiões. O mercado europeu deve sofrer uma retração de cerca de 45% este ano, em comparação com 2008.

No Brasil, a queda deve ficar em cerca de 17%, com total de 105 mil unidades, levando-se em conta as vendas de todos os fabricantes. Mesmo assim, esse resultado deve ser o segundo maior da história no País, perdendo somente para o ano passado. Para 2010, a expectativa é que as vendas brasileiras fiquem em cerca de 120 mil unidades. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.