Tamanho do texto

SÃO PAULO - O presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, pressionou os congressistas a agir com pressa sobre o pacote de resgate do setor financeiro.

"Teremos esse pacote aprovado", afirmou em breve discurso na Casa Branca.

As palavras vieram depois de um revés na noite de ontem no diálogo referente ao programa de salvamento. Assim como o fez na quarta-feira, Bush pediu que democratas e republicanos fiquem juntos.

Embora alguns republicanos tenham apresentado um plano alternativo, o dirigente americano sublinhou que "não existe desacordo que algo substancial precisa ser feito".

Em entrevista a um canal de TV, a porta-voz da Câmara, Nancy Pelosi, comentou que qualquer plano depende agora do apoio dos republicanos na Câmara dos Representantes.

(Valor Online, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.