Tamanho do texto

Ideia é incentivar contratações no curto prazo

O presidente norte-americano, Barack Obama, que tenta aliviar as dúvidas de eleitores sobre a condução da economia, afirmou neste sábado que uma reunião com seu conselho para promoção de empregos na próxima semana vai se concentrar em possíveis novas medidas para incentivar as contratações no curto prazo. Obama vai visitar na segunda-feira uma fábrica de energia renovável na Carolina do Norte, onde terá consultas com um painel de conselheiros externos sobre criação de emprego, liderado pelo presidente-executivo da General Electric, Jeffrey Immelt.

Os esforços de Obama para assegurar aos norte-americanos seu compromisso em reduzir o desemprego, que chegou a 9,1% no mês passado, ocorrem em meio a sinais de uma lenta recuperação e de pesquisas de opinião mostrando cada vez mais dúvidas sobre suas políticas econômicas. Críticos republicanos acusam Obama de gastos desnecessários e excesso de regulação que atrapalhariam o crescimento econômico.

"Gostaria de poder dizer a vocês que há uma solução rápida para nossos problemas econômicos", afirmou Obama em programa semanal de rádio. "Mas a verdade é que não entramos nessa situação de uma hora para outra e não vamos sair de uma hora para outra. Vai levar tempo."

"Vou viajar para a Carolina do Norte, onde me encontrarei com o meu conselho de empregos e conversarei sobre medidas adicionais que podemos tomar para incentivar as contratações do setor privado no curto prazo e garantir que nossos trabalhadores tenham o treinamento necessário", acrescentou.

Saiba mais:

Os conselhos de Obama sobre como administrar seu dinheiro

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.