Tamanho do texto

Presidente dos EUA foi ao restaurante Good Stuff e não escondeu sua paixão pelo sanduíche

Presidente Barack Obama (C) almoça com equipe no restaurante Good Stuff (03/08/2011)
AFP
Presidente Barack Obama (C) almoça com equipe no restaurante Good Stuff (03/08/2011)
O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, convidou nesta quarta-feira sua equipe para comemorar o final das longas negociações sobre o teto da dívida para comer hambúrguer, já que "eles trabalharam duramente nisso durante os últimos meses".

Obama os levou ao restaurante Good Stuff, uma movimentada lanchonete próxima ao Capitólio, e disse ao garçom que pagaria a conta de todos eles, inclusive, a de uma mulher que aguardava ao seu lado. "Que cheiro bom", comentou Obama aos clientes que chegaram depois, e comentou que sua esposa costuma frequentar esse restaurante.

Enquanto esperavam pela comida, um homem se aproximou para cumprimentar o presidente americano, que conversou com a família que estava sentada na mesa vizinha. "Pede um milkshake", disse o presidente a uma das crianças.

Obama não esconde sua paixão por hambúrguer, como já demonstrou ao convidar em uma ocasião o presidente russo, Dimitri Medvedev, para comer o sanduíche, embora sua mulher, Michelle Obama, lidere uma campanha para conscientizar as pessoas sobre dieta saudável.

O presidente costuma também aproveitar suas saídas de Washington para satisfazer seu desejo por hambúrguer e cachorro-quente, apesar de que quando "peca" brinca: "Não contem à Michelle". Nesta ocasião, o almoço serviu de recompensa a sua equipe, embora, sem dúvida, ele tenha sido o primeiro a se dar o luxo.

Leia ainda:

Obama sanciona projeto de lei que eleva teto da dívida americana

Para FMI, acordo reduz incertezas e reforça credibilidade dos EUA

Mercado exagera em preocupação com os EUA, diz Sardenberg

Os EUA têm histórico esquecido de calotes