Tamanho do texto

Boa parte do mundo se inteirou da morte de Jobs por um engenho inventado por ele, diz o presidente dos EUA em comunicado

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, mandou uma mensagem lamentnado a morte de Steve Jobs no Twitter oficial da Casa Branca (@BarackObama). No comentário, Obama diz para Steve Jobs descansar em paz e o agradece por ter feito o trabalho de todos, incluindo o deles, possível.

Leia a mensagem: "Rest in peace, Steve Jobs. From all of us at #Obama2012, thank you for the work you make possible every day—including ours " (Descanse em paz, Steve Jobs. De todos nós da #Obama2012, obrigado pelo trabalho que você faz possível todos os dias - inclusive o nosso)

Num comunicado distribuído mais tarde, Obama colocou Jobs "entre os maiores inovadores americanos". Segundo Obama, Jobs foi "suficientemente valente para pensar de modo diferente, suficientemente ousado para acreditar que poderia mudar o mundo e com o talento necessário para consegui-lo."

Obama disse que ao fazer "os computadores pessoais e colocar a internet nos nossos bolsos, fez a revolução da informação não só acessível, mas também intuitiva e divertida". O presidente americano disse ainda que Jobs "transformou nossas vidas, redefiniu indústrias inteiras e alcançou uma dessas raras proezas na história da humanidade: mudou o modo como cada um de nós vê o mundo". "O mundo perdeu um visionário, e pode ser que não haja um tributo maior a seu sucesso que o fato de que boa parte do mundo se inteirou de seu falecimento através de um engenho inventado por ele", afirmou o presidente.

Leia mais:

- Leia tudo sobre a morte de Steve Jobs

- Steve Jobs deixa o comando da Apple
- Ações da Apple recuam 4% após renúncia de Steve Jobs
- Apple enfrenta desafio de seguir revolucionária sem Jobs
- "Apple não vai mudar", diz novo CEO; e-mail para equipe vaza
- As criações de Steve Jobs
- As lições de inovação de Steve Jobs – e como aprender com elas