Tamanho do texto

WASHINGTON - O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, ficou indignado com as altas bonificações concedidas aos executivos de Wall Street, que, apesar da crise financeira, representaram no ano passado o sexto maior montante já registrado, disse nesta quinta-feira o porta-voz da Casa Branca, Robert Gibbs.

Em uma reunião com o secretário do Tesouro, Timothy Geithner, Obama falou sobre os US$ 18,4 bilhões  pagos em 2008 pelas instituições financeiras a seus funcionários em bônus de fim de ano.

Segundo Gibbs, "o presidente compartilha a indignação do povo americano com isto. Há muitas palavras que podem ser usadas para descrever esta história".

Nenhum americano que tenha sido demitido acha que "este foi o sexto melhor ano para Wall Street" em termos de desempenho financeiro, expressou o porta-voz.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.