Tamanho do texto

Em entrevista à CNN Money, megainvestidor discorda de rebaixamento dos EUA e afirma: "quanto mais barato fica, mais eu compro"

Getty Images
"É preciso ter nervos de titânio", diz mega investidor Warren Buffett
Momento não é de medo, mas sim de ação. Assim o megainvestidor americano Warren Buffett fez sua avaliação do atual cenário de turbulência nos mercados globais. Em entrevista à CNN Money, ele mostrou estar de olho em opções de compras de ações, uma vez que os preços estão em baixa.

“Quanto mais baratas as coisas ficam, mais eu compro. Estamos no negócio das compras,” afirmou o octogenário a Andy Serwer, editor do site norte-americano.

“Tudo que você precisa é de um cofre de meio bilhão de dólares, nervos de titânio e uma mente brilhante e analítica,” afirmou Buffett na entrevista.

Ele não contou o que está comprando, mas disse está olhando ações e também pensa em vender títulos de dívida de sua empresa, a Berkshire Hathaway , para aproveitar que os juros estão baixos.

Buffet disse também que discorda do rebaixamento dos títulos dos EUA pela Standard & Poor´s. Mas afirmou que entende a redução da nota de crédito da Berkshire Hathaway - de estável para negativa - pela mesma agência como um movimento derivado da diminuição da nota da dívida norte-americana. “O Tesouro dos EUA ainda é triplo-A e não há dúvida de que as dívidas serão pagas, ” afirmou o investidor à CNN Money.

Sobre se há motivos para a preocupação com uma nova crise forte, ele afirma que “ainda não”, mas acrescenta que falta pouco para que isso aconteça.

Veja também :

Conheça a história de Warren Buffett e saiba o que é a Berkshire

Provável sucessor de Warren Buffett pede demissão

Ex-namorada brasileira quer US$ 50 milhões de George Soros

Evitar nova recessão é missão impossível, diz Nouriel Roubini

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.