Tamanho do texto

Os investidores devem se afastar dos títulos do Tesouro americanos, que estão oferecendo um retorno muito baixo, e pensar em aplicar na dívida de países como o Brasil, afirmou Bill Gross, cofundador da Pimco, que gerencia US$ 1,3 trilhão em ativos

selo

Os investidores devem se afastar dos títulos do Tesouro americanos, que estão oferecendo um retorno muito baixo, e pensar em aplicar na dívida de países como o Brasil, afirmou Bill Gross, cofundador da Pimco, que gerencia US$ 1,3 trilhão em ativos. Ele afirmou que os papéis da dívida do Brasil são uma alternativa porque os juros reais no País estão perto de 7%. Nos últimos meses, a Pimco diminuiu drasticamente sua exposição aos papéis dos EUA.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.