Tamanho do texto

Banco Mundial publicou hoje balanço das commodities em julho: os preços de energia aumentaram 2%

As questões sobre as commodities aumentaram, diante dos sinais de desaceleração na economia mundial. Hoje, tais ativos operam em queda. Mas, para o Banco Barclays, de Londres, os participantes do mercado de commodities correm o risco de serem enganados pelo sombrio ambiente macroeconômico e não terem "a visão geral" de uma situação que no momento permanece fundamentalmente sadia.

O Banco Mundial publicou hoje balanço das commodities em julho: os preços de energia aumentaram 2% e os de commodities não energéticas subiram 1,3%. Os preços dos alimentos ficaram estáveis em 0,2% e os de bebidas cresceram 1%. Os preços de matérias-primas caíram 3,6%, enquanto os metais subiram 4,1% e os fertilizantes, 1,5%.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.