Tamanho do texto

Investidores buscam maior segurança em semana de fortes oscilações no mercado

NOVA YORK - O ouro manteve nesta quarta-feira a forte tendência de alta perante o nervosismo e a volatilidade nos mercados de valores e fechou em US$ 1.784,3 a onça na Bolsa Mercantil de Nova York, no seu terceiro recorde histórico consecutivo.

Os contratos de ouro mais negociados nesta quarta-feira - os de vencimento em dezembro - subiram US$ 41,3 em relação ao preço de terça-feira.

O metal registrou alta de 2,37%, em um dia que as contratações chegaram a ser fechadas por US$ 1.801 a onça, o que supõe na primeira vez que o ouro ultrapassa a barreira psicológica dos US$ 1.800.

O ouro costuma ser bastante procurado em momentos de incerteza por ser considerado um investimento mais seguro que outros diante de fortes oscilações nos negócios.