Tamanho do texto

SÃO PAULO - A seguradora MetLife anunciou hoje que reverteu o prejuízo e registrou no segundo trimestre um lucro líquido de US$ 1,5 bilhão, ou US$ 1,84 por ação. No mesmo período do ano passado, a empresa tinha verificado prejuízo líquido de US$ 1,4 bilhão, ou US$ 1,74 por ação.

SÃO PAULO - A seguradora MetLife anunciou hoje que reverteu o prejuízo e registrou no segundo trimestre um lucro líquido de US$ 1,5 bilhão, ou US$ 1,84 por ação. No mesmo período do ano passado, a empresa tinha verificado prejuízo líquido de US$ 1,4 bilhão, ou US$ 1,74 por ação. Os resultados foram impulsionados pelos ganhos líquidos com investimentos, depois dos impostos, que somaram US$ 767 milhões no período, sendo que no segundo trimestre de 2009, tinha marcado prejuízo de US$ 2,6 bilhões. O lucro operacional da empresa somou US$ 1,23 por ação, sendo que um ano atrás, totalizava US$ 0,88 por ação. "A MetLife continuou a entregar resultados fortes durante o segundo trimestre. Nós elevamos os ganhos operacionais em 41% sobre o mesmo período do ano passado", afirmou o presidente da empresa, C. Robert Henrikson. A receita do período, por sua vez, avançou 72%, para US$ 14,25 bilhões. Os prêmios, taxas e outras receitas avançaram 4% para US$ 8,7 bilhões. Nos próximos trimestres, os ganhos com os negócios da empresa fora dos EUA tendem a crescer. Em março, a empresa fechou a aquisição de uma unidade da American International Group (AIG), a Alico, por US$ 15,5 bilhões, que fortalece as operações externas da companhia. (Vanessa Dezem | Valor, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.