Tamanho do texto

Índices passaram maior parte do pregão desta terça-feira perto da estabilidade

selo

Os índices de ações de Nova York fecharam em queda depois de terem passado a maior parte da sessão desta terça-feira próximos da estabilidade. "Acho que estamos em uma espécie de parada para respirar", comentou Daniel Morgan, gerente de portfólio da Synovus Trust. "O mercado estava um pouco exaurido hoje."

Leia também: Bolsa segue exterior e cai quase 1%

O índice industrial Dow Jones caiu 43,90 pontos (0,33%), encerrando a sessão em 13.197,73 pontos. O índice Standard & Poor's 500 cedeu 3,99 pontos (0,28%), terminando o dia em 1.412,52 pontos. O Nasdaq, enquanto isso, fechou em queda de 2,22 pontos (0,07%), a 3.120,35 pontos.

Em linha com as projeções, os dados de confiança do consumidor norte-americano e de preços das moradias nos Estados Unidos não estimularam os investidores. A queda no fim do pregão foi induzida por declínios em ações de empresas de energia e do setor financeiro.

Leia também: Inflação nos EUA preocupa e bolsas da Europa recuam

As ações do Bank of America caíram 3,32%, o maior declínio entre os componentes do Dow, depois de analistas da Robert W. Baird terem rebaixado para "neutra" sua recomendação para os papéis do banco. Os papéis do Morgan Stanley recuaram 2,13%. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.