Tamanho do texto

Banco de fomento amplia relacionamento com instituições financeiras internacionais; parceria com japonês irá completar 50 anos

Com o objetivo de diversificar e ampliar a sua capacidade de financiamento, o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) assinou um acordo de cooperação financeira com o Japan Bank for International Cooperation (JBIC) que prevê a contratação de até US$ 3 bilhões entre as duas entidades financeiras.

O memorando de entendimento foi assiando nesta terça-feira, pelo presidente do BNDES, Luciano Coutinho, durante seminário sobre o PAC (Programa de Aceleração do Crescimento), organizado pelo JBIC, em Tóquio.

O BNDES opera em parceria com organismos multilaterais e agências governamentais desde a década de 50. O relacionamento entre o banco brasileiro e o JBIC está prestes a completar 50 anos. O primeiro contrato de empréstimo com The Export-Import Bank of Japan (Jexim), antecessor do JBIC, foi assinado em 1962. Desde então, foram fechados 14 contratos, o último deles em março deste ano, de US$ 300 milhões, para a chamada Linha Green - direcionada ao apoio a projetos ambientalmente sustentáveis.

Com a celebração de mais este instrumento de cooperação, o BNDES dá continuidade à sua estratégia de ampliação do relacionamento com instituições financeiras internacionais, aumentando a escala dos investimentos que realiza em parceria com organismos multilaterais e agências governamentais.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.