Tamanho do texto

Investidores aguardam maiores provas sobre recuperação na Europa e nos EUA

As bolsas de valores da Europa perdiam terreno nesta segunda-feira, recuando ante o maior nível em oito meses atingido na semana passada, com investidores aguardando por mais evidência de melhora nas economias da Europa e Estados Unidos.

O grupo holandês de logística TNT ia contra a tendência e chegou a subir 1,9% depois que a UPS melhorou oferta de aquisição da companhia, para um ágio de 53,7%. Às 8h39 (horário de Brasília), os papéis subiam 1,07%, para 9,44 euros.

No mesmo horário, o índice FTSEurofirst 300 exibia desvalorização de 0,18%, a 1.104 pontos, enquanto indicador de blue chips europeias Euro STOXX 50 tinha queda de 0,35%, a 2.599 pontos.

"Estamos ficando muito perto de um período de consolidação e reposicionamento. O DAX atingiu sua meta na região dos 7.150 pontos, enquanto outros índices têm um potencial de alta de menos de 2% antes que entrem em fase de consolidação", disse o analista Gérard Sagnier, da Aurel BGC.

O analista de gráficos vê o próximo suporte do Euro STOXX 50 a 2.590 pontos, seguido por um importante nível de 2.550 pontos. Um nível abaixo de 2.385 pontos invalidaria o recente rali do indicador, na avaliação de Sagnier.

As ações do setor bancário, que subiram 40% em relação ao final de novembro, estavam entre as quedas desta segunda-feira, recuando 0,30%.

Veja o comportamento de bolsas da Europa às 8h39:

BOLSA PONTUAÇÃO VARIAÇÃO %

Londres 5.949 -0,28%
Frankfurt 7.118 -0,55%
Paris 3.573 -0,59%
Madri 8.548 +0,74%
Milão 17.107 +0,15%
Lisboa 5.576 +0,09%

Bolsas da Ásia fecham em alta, mas HK recua com realização de lucros

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.