Tamanho do texto

Índice de bolsas da Europa fecha no maior nível em 6 meses

SÃO PAULO (Reuters) - As bolsas de valores da Europa encerraram a quinta-feira em alta, com o índice da região fechando no patamar mais alto em seis meses, impulsionado por série positiva de balanços trimestrais de termômetros de mercados como a Nokia.

As ações da maior fabricante mundial de celulares subiram 6,3 por cento após a empresa divulgar lucro acima do esperado, graças à forte demanda por smartphones baratos.

O índice FTSEurofirst 300, que acompanha as principais empresas europeias, encerrou em alta de 0,58 por cento, aos 1.092,73 pontos, maior nível desde o fim de abril.

"Os índices de ações estão rompendo as resistências à medida que a sombra da crise bancária e recessão se dissipa", disse Marc Renaud, presidente-executivo da gestora parisiense de ativos Mandarine Gestion.

Contrariando a tendência, as ações do banco suíço Credit Suisse caíram 4,5 por cento depois que o lucro no terceiro trimestre afundou 74 por cento, com poucos negócios em ações pesando nos lucros do banco de investimento.

Em LONDRES, o índice Financial Times fechou em alta de 0,50 por cento, a 5.757 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 1,33 por cento, para 6.611 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 1,31 por cento, para 3.878 pontos.

Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 0,89 por cento, para 21.616 pontos.

Em MADRI, o índice Ibex-35 caiu 0,04 por cento, para 10.892 pontos.

Em LISBOA, o índice PSI20 encerrou em alta de 0,66 por cento, para 7.912 pontos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.