Tamanho do texto

SÃO PAULO - O Ibovespa abriu o dia em alta e logo rompeu a linha dos 71 mil pontos, impulsionado pelo desempenho da maior parte dos seus papéis e também pelo front internacional

. Por volta das 12h10, depois de marcar 71.262 pontos na máxima do dia, o Ibovespa subia 0,40%, aos 70.853 pontos, e girava R$ 1,532 bilhão. Na BM&F, o Ibovespa futuro, com vencimento em dezembro, apresentava alta de 0,54%, com o registro de 71.740 pontos. Ontem, o Ibovespa recuou 0,24%, aos 70.568 pontos. No mercado americano, as bolsas também abriram o dia no azul. Há pouco, o índice Dow Jones subia 0,29%, enquanto o S&P 500 avançava 0,37% e o Nasdaq tinha ganhos de 0,25%. Além de repercutir uma série de balanços corporativos, o mercado recebeu bem os dados de emprego nos Estados Unidos. De acordo com o Departamento do Trabalho americano, os novos pedidos de seguro-desemprego no país recuaram em 21 mil na semana passada, no comparativo com a anterior, somando 434 mil. A temporada de resultados corporativos também segue com força nesta quinta-feira e, no Brasil, a Vale é o foco do dia. A mineradora fechou o terceiro trimestre com lucro líquido de R$ 10,554 bilhões, um salto de 253,4% ante o mesmo trimestre de 2009. A receita líquida somou R$ 25,678 bilhões em três meses, avanço de 94,4%, enquanto a geração de caixa medida pelo lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Lajida) foi recorde, de R$ 15,923 bilhões, 164,1% superior à registrada em igual trimestre de 2009. Para Rodrigo Ferraz, da Brascan Corretora, os resultados foram bastante positivos, apesar de estarem dentro das expectativas da instituição. Entre os aspectos destacados estão o aumento no volume de vendas para minério de ferro, níquel e cobre; a diminuição dos custos com ociosidade; a normalização das operações portuárias em Ponta da Madeira e a melhora da performance da Estrada de Ferro Carajás. A corretora reiterou sua recomendação de "outperform" para Vale PNA, com preço-alvo de R$ 67,79 por ação para dezembro den 2011. Minutos atrás, as ações PNA da mineradora subiam 0,63%, a R$ 49,03, enquanto os papéis PN da Petrobras avançavam 0,57%, a R$ 26,34. As maiores altas do Ibovespa partiam de Usiminas PNA (2,19%, a R$ 20,49), Lojas Renner ON (1,92%, a R$ 63,40), TAM PN (1,85%, a R$ 41,10) e Gerdau PN (1,71%, a R$ 21,34).; A Lojas Renner divulga seu balanço trimestral após o fechamento do pregão. Já a Usiminas mostrou que seu lucro líquido correspondeu a R$ 495 milhões no terceiro trimestre deste ano, alta de 14% ante os R$ 433 milhões somados em intervalo idêntico de 2009. Entre julho e setembro, a Usiminas apontou receita líquida 13% maior, de R$ 3,241 bilhões. As principais quedas do índice partiam de instituições do setor financeiro, como Cielo ON (-1,27%, a R$ 14,66), as units do Santander Brasil (-1,52%, a R$ 24,50) e Redecard ON (-4,23%, a R$ 22,85). O Santander Brasil fechou o terceiro trimestre com lucro líquido de R$ 1,935 bilhão, crescimento de 31,5% em relação ao mesmo período do ano passado. Já a Redecard obteve lucro líquido de R$ 324,105 milhões no terceiro trimestre, resultado 2,7% inferior aos R$ 332,973 milhões apurado no mesmo período do ano passado. A concorrente Cielo, por sua vez, informou que seu terceiro trimestre foi marcado por lucro líquido de R$ 488,5 milhões, valor 23,1% acima dos R$ 396,7 milhões de um ano antes. Os dados são preliminares. (Beatriz Cutait | Valor)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.